• Carla Fernandes

Visitar o Porto - Roteiro de um dia

Para aproveitar ao máximo a cidade recomendamos que comece cedo, por volta das 8 horas da manhã e caminhando, desta forma poderá sentir e vivenciar o Porto de uma forma mais intensa e próxima.


Ao sair da Boavista Guest House vire à sua direita e na segunda rua, outra vez, à sua direita.

Inicie o seu percurso pela Rua de Cedofeita e encontrará muito comércio local bem como cafés e pastelarias onde poderá beber um café e provar uma “nata”, maneira tripeira de dizer pastel de nata. No final da Rua de Cedofeita encontrará a Praça Gomes Teixeira mais conhecida como a Praça dos Leões e verá a bonita fonte com uns leões imponentes que de forma informal dá o nome à Praça e o belo edifício da Reitoria da Universidade do Porto.

Na Praça Gomes Teixeira poderá visitar duas igrejas aparentemente coladas, a das Carmelitas (1628) e a do Carmo (1768) com os seus magníficos exemplares de azulejos que revestem as fachadas. Verá que se gosta de visitar igrejas, está na cidade certa, há muitas a conhecer espalhadas pela cidade.



 

CURIOSIDADE: As igrejas do Carmo e das Carmelitas estão aparentemente coladas, mas... não estão. Entre estas duas igrejas existe uma estreitíssima casa, a Casa Escondida, considerada a mais estreita de Portugal (aberta a visitas). Observe as fachadas das igrejas e veja se descobre a Casa Escondida. Acredite que passa despercebida a muita gente!!!

 
Torre dos Clerigos no Porto
Torre dos Clérigos

Da Praça Gomes Teixeira avistará a famosa Torre dos Clérigos com 75 metros de altura e uma vista panorâmica impressionante. Não pode perder a experiência de a subir... mais de 200 degraus! É para corajosos, mas vale mesmo a pena, ficará impressionado com a vista sobre a cidade.

Saído da Torre do Clérigos e depois de visitar a igreja descanse um pouco no jardim da Cordoaria. Recupere o fôlego e continue a caminhada pela cidade.


Logo ali, desça a Rua das Carmelitas e pare no n. 144, visite a famosa Livaria Lello e verifique se reconhece a sua famosa escadaria, tantas vezes associada ao Harry Potter. Continuando a descida, chegará à Praça mais conhecida e importante da Cidade do Porto – A Praça da Liberdade. Certamente, já a viu na televisão nos festejos do S. João ou nas celebrações das inúmeras vitórias do principal clube de futebol da cidade: O Futebol Clube do Porto.

A Praça da Liberdade é composta por belíssimos exemplares arquitétonicos que merecem uma observação mais cuidada e atenta. Admire-a e tire imensas fotografias, terá obras de arte dignas de emoldurar.


Logo ali, da Praça da Liberdade, verá um dos ex-libris da cidade e considerada umas das estações de comboios mais bonita do mundo, em 2011, pela Travel + Leisure – a estação de S. Bento. A estação afirmou-se como um dos principais monumentos na cidade, sendo especialmente célebre pelos seus mais de 20 mil azulejos que retratam a história de Portugal. Deslumbrante, dirá, seguramente.


Interior da estação de S. Bento com vista para os seus belos azulejos
Estação de São Bento

Saído da estação de S.Bento suba a Avenida D. Afonso Henriques e visite a Sé Catedral do Porto.

Da Sé passe à Ponte Luís I e atravesse o tabuleiro superior desta, descanse no Jardim do Morro e delicie-se com a vista sobre a Ribeira e o rio Douro. Tire muitas fotografias e partilhe-as com os seus amigos e familiares.


Volte para trás e regresse até à estação de S.Bento. Ali mesmo terá muitas opções para desfrutar de um almoço revigorante. A oferta é muita, as iguarias todas deliciosas, mas experimente a famosa Francesinha do Porto.

Depois de almoçar, desça a Rua das Flores e aprecie a sua monumental arquitectura. É uma rua bastante animada e poderá apreciar as obras de pintores, artesanato, música de rua e muito mais. No final da rua avistará o mercado Ferreira Borges, um belo exemplar de arquitectura de ferro e o Palácio da Bolsa. Visite-os, não se arrependerá. Mesmo ao lado do Palácio da Bolsa está a Igreja de S. Francisco, o exemplo maior do estilo Barroco no Porto. Tem coragem? Visite as catacumbas desta igreja e depois siga para a Ribeira para relaxar.


A Ribeira do Porto é o verdadeiro cartão postal da cidade. Sente-se numa das muitas esplanadas existentes e observe o rebuliço das suas gentes. É magia pura.



Continuando a visita, atravesse a ponte Luis I pelo tabuleiro inferior e estará em Vila Nova de Gaia. Escolha uma das inúmeras caves de vinho do porto e prove o verdadeiro néctar do deuses. Tire mais fotografias da Ribeira, acredite que terá os melhores ângulos para umas fotos impressionantes.


Vá pensando no jantar. Decida se janta no cais de Gaia ou na Ribeira, as opções são variadas e para todos os preços e carteiras.

Estará cansado de tanto caminhar... mas de alma cheia de tanta beleza e encanto.


Secretaria quarto superior
Quarto Superior

Está na hora de regressar à Boavista Guest House, a pé e apreciando a cidade à noite ou venha de metro, estação de saída, Carolina Micaelis.


Na Boavista Guest House estamos à sua espera para o receber com um sorriso e espectantes para ouvir a sua impressão sobre a nossa cidade.




Uma coisa é certa, terá vontade de regressar com mais tempo, há tanto a descobrir na Invicta.

31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo